quarta-feira, 16 de novembro de 2011

O poeta da paixão...pelo Botafogo



Hoje a noite, o Botafogo tem um jogo importantíssimo contra o América Mineiro para suas pretensões de permanecer no G-5, os clubes que disputarão a Libertadores do ano que vem. 

O poeta Vinícius de Moraes também curtia o futebol. Não era um “fanático” torcedor, mas tinha o coração botafoguense. No final dos anos 1950, ele compôs o poema "Olhe aqui, Mr. Buster" (ler abaixo). É dele também esse depoimento que faz parte do livro “Botafogo: entre o céu e o inferno”, de Sérgio Augusto (Ediouro, 2004): "No Rio, a formação da identidade passa, também, pela eleição de um time de futebol. O poeta, fiel à sua infância, escolhe o 'Botafogo Futebol Clube'. Não freqüenta os estádios. Não lê o noticiário. Não ouve as transmissões pelo rádio. Mas, se perguntarem seu time, afirma: 'Botafogo'. Não se trata de uma paixão, mas de uma senha para a cidadania."
"Olhe aqui, Mr Buster: está muito certo
Que o sr. tenha um apartamento em Park Avenue e uma casa em Beverly Hills.
O sr. tenha um caco de friso do partenon e no quintal, de sua casa em Hollywood.
Um poço de petróleo trabalhando de dia para lhe dar dinheiro e de noite para lhe dar insônia.
Está muito certo que em ambas residências
O sr. tenha  geladeiras gigantescas capazes de conservar o seu preconceito racial
Por muitos anos a vir, e Vacuun-cleaners com mais chupo
Que um beijo de Marilyn Monroe, e máquinas de lavar
Capazes de apagar a mancha de seu desgosto de ter posto tanto dinheiro em vão na guerra da Coréia.
Está certo que em sua mesa as torradas saltem nervosamente de torradeiras automáticas
E suas postas se abram com célula fotoelétrica. Está muito certo
Que o sr. tenha cinema em casa para os meninos verem filme de mocinho
Isto sem falar nos quatro aparelhos de televisão e na fabulosa hi-fi
Com alto-falantes espalhados por todos os andares, inclusive nos banheiros.
Está muito certo que Sra. Buster seja citada uma vez por mês por Elza Maxwell
E tenha dois psiquiatras: um em Nova Iorque, outro em Los Angeles, para as duas estações do ano.
Está tudo muito certo, Mr Buster - o Sr. ainda acabará governador do Estado.
E sem dúvida, presidente de muitas companhias de petróleo, aço e consciências enlatadas.
Mas diga sinceramente uma coisa, Mr Buster:
O Sr. sabe lá o que é um choro de Pinxinguinha?
O Sr. sabe lá o que é ter uma jabuticabeira no quintal?
O Sr. sabe lá o que é torcer pelo Botafogo?"

Nenhum comentário:

Postar um comentário